fbpx


CCIH Cursos: há 20 anos disseminando sabedoria

logo-ccih-famesp-496-x-866-px-1

Exigência do Manual da JCI – Lista de Medicamentos Look Alike/Sound Alike (LASA)

A segurança do paciente é uma importante premissa do processo de acreditação realizado pela maioria das empresas acreditadoras, como a JCI (Joint Comission International). E no site deles vocês podem conferir orientações sobre os requisitos do Manual além de dicas sobre qualidade e segurança do paciente.

Falando em segurança do paciente, no Capítulo referente ao manejo dos medicamentos na instituição, a JCI comenta sobre o requisito da lista Look Alike/Sound Alike (medicamentos que tem nomes e/ou pronúncia semelhantes). A instituição precisa desenvolver uma lista de medicamentos com essa grafia/pronúncia semelhantes, que armazena, dispensa ou administra.

E uma das fontes para entendermos melhor a lista LASA é a relação disponibilizada pelo Institute for Safe Medication Practices (ISMP). Esta é uma relação de nomes confusos de medicamentos, que inclui LASA, e que pode ser utilizada para determinar quais medicamentos requerem salvaguardas especiais para reduzir o risco de erros e minimizar danos. Isso pode incluir estratégias como:

  • Usar nomes de marca e genéricos em prescrições e rótulos;
  • Incluir a finalidade do medicamento nas prescrições;
  • Configurar sistemas de computador para exigir no mínimo as cinco primeiras letras do nome de um medicamento durante pesquisas de produtos;
  • Alterar a aparência de nomes de produtos semelhantes para chamar a atenção para suas diferenças

Quer conhecer alguns exemplos? Vamos lá:

ALPRAZolam clonazePAM

ALPRAZolam LORazepam

ceFAZolina cefOXitina

eFEDrina EPINEFrina

 

Segundo o ISMP Brasil, esse método de sílabas em letras maiúsculas para diferenciação dos nomes é denominado CD3, e sugere que os nomes sejam avaliados em duas etapas:

1) O avaliador realiza a leitura dos nomes semelhantes da esquerda para a direita, até o ponto em que identifica uma ou duas letras que os diferenciam, e então deve utilizar a letra maiúscula.

2) Procede-se a leitura da direita para a esquerda, novamente até o ponto em que sejam identificadas duas ou mais letras diferentes. Até este ponto, deve-se retornar as sílabas para letra minúscula.

Confira a lista completa de medicamentos que podem gerar confusão no site https://www.ismp.org/system/files/resources/2023-10/ISMP_ConfusedDrugNames_2023.pdf

 

Fonte: https://www.jointcommission.org/resources/patient-safety/

 

Editado por: 

Laura Czekster Antochevis

[email protected]

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
×