A terapia intravenosa é atualmente um dos maiores desafios da assistência de enfermagem. Neste contexto, a inserção do Cateter Central de Inserção Periférica(CCIP/PICC) é um procedimento seguro realizado pelo enfermeiro que contribui para a redução do risco da Infecção Primária da Corrente Sanguínea (IPCS). Cuidados adequados na manutenção do PICC devem ser observados e apreendidos por toda equipe de enfermagem.

O estudo tem como objeto a aplicação da SAE associada as medidas de prevenção de IPCS relacionadas ao uso do PICC em Neonatologia. Seus objetivos incluem – se verificar a implementação da SAE na assistência de enfermagem aos neonatos em utilização do PICC pela literatura e descrever as boas práticas de prevenção associada a SAE relacionada ao uso do PICC, possibilitando melhor qualidade assistencial, em unidades de Neonatologia.

A Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) nos fornece uma estrutura necessária para traçarmos as recomendações necessárias à prevenção das IPCS, portanto enfatizamos a necessidade da SAE ser introduzida pelo enfermeiro em todas as situações seja ela prevenção ou intervenção. Foram utilizadas como fonte de pesquisa os meios eletrônicos: Biblioteca Virtual de Saúde(BVS), BIREME, Scielo e LILACS.

Autora: Fernanda Medeiros da Fonseca Beiral

 


Ficou interessado? Veja nossos cursos MBA em CCIH e CME.