Inscreva-se já.

A diretora da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), Carissa F. Etienne, declarou nesta quarta-feira (6) que as infecções por COVID-19 diminuíram em geral nas Américas na semana passada, mas “as tendências locais continuam preocupantes”. Etienne pediu aos países que acelerem os esforços de vacinação e adotem medidas para fortalecer os esforços de vigilância para monitorar doenças que se propagam de humanos para animais, como os coronavírus.

Referindo-se ao risco apresentado por doenças transmitidas de animais a humanos – ou zoonóticas -, Etienne pediu que os governos regionais apliquem uma abordagem de “Saúde Única” para detectar rapidamente patógenos emergentes que têm o potencial de representar um risco à saúde pública. A OPAS priorizou esse enfoque por muitos anos.

“Assim como trabalhamos juntos para controlar esta pandemia, devemos considerar as maneiras pelas quais podemos colaborar para evitar futuras pandemias”, disse a diretora da OPAS.

“A COVID-19 tem sido única em sua escala e impacto, mas não é a primeira doença emergente a causar efeito cascata em todo o mundo”, acrescentou Etienne, citando epidemias recentes com impactos graves causados por doenças que se espalham de animais para pessoas, como ebola, chikungunya, febre amarela, gripe aviária e zika.

“Precisamos que os países garantam que os parceiros dos setores animal, agrícola e ambiental sejam trazidos à mesa para construir sistemas de vigilância mais robustos que possam detectar riscos mais rapidamente, priorizar investimentos em pesquisa e desenvolvimento para patógenos de alto risco e estabelecer fortes respostas à pandemia que se baseiam nos pontos fortes dessas diversas áreas de especialização”, afirmou Etienne.

https://www.paho.org/pt/noticias/6-10-2021-opas-pede-acoes-concertadas-para-prevenir-transmissao-doencas-animais-para

Editado por Laura Czekster Antochevis

Contatos: [email protected]  ou http://linkedin.com/in/laura-czekster-antochevis-457603104



Ficou interessado? Veja nossos cursos MBA em CCIH, CME e EQS