Inscreva-se já.

A diretora da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), Carissa F. Etienne, alertou que 75% da população da América Latina e do Caribe ainda não foi totalmente vacinada contra a COVID-19 e informou que a OPAS está acelerando sua campanha para expandir o acesso às vacinas em toda a região.

“Três quartos das pessoas na América Latina e no Caribe não foram totalmente imunizadas”, afirmou Etienne durante a coletiva de imprensa semanal da OPAS. “Mais de um terço dos países de nossa região ainda não vacinou 20% de suas populações. E em alguns lugares, a cobertura é muito menor.”

“As taxas de vacinação permanecem entre os adolescentes em vários países do Caribe e da América do Sul e a cobertura ainda é de um dígito em países da América Central como Guatemala, Honduras e Nicarágua”, disse a diretora da OPAS.

No Haiti e na Venezuela, os frágeis sistemas de saúde e os desafios políticos atrasaram ainda mais as imunizações. “Infelizmente, os países com alta cobertura são a exceção em nossa região”, enfatizou.

Etienne afirmou que, no total, 540 milhões de doses de vacinas contra a COVID-19 devem ser administradas para garantir que todos os países da América Latina e do Caribe possam cobrir pelo menos 60% de suas populações. “Portanto, devemos expandir o acesso às vacinas em nossa região, especialmente nos lugares que estão atrasados.”

Leia na íntegra em: https://www.paho.org/pt/noticias/1-9-2021-opas-alerta-que-apenas-uma-em-cada-quatro-pessoas-na-america-latina-e-no-caribe

Sinopse por Laura Czekster Anthochevis

Contatos: [email protected] ou http://linkedin.com/in/laura-czekster-antochevis-457603104



Ficou interessado? Veja nossos cursos MBA em CCIH, CME e EQS