Esta pandemia comprova a sua importância estratégica para países e instituições de saúde, mas estará à altura deste desafio? Terá competências para liderar a promoção da saúde, lutando contra hábitos arraigados e ausência de respostas científicas para todas as questões que se levantam? Terá poder para alterar condições de trabalho que favorecem a disseminação de doenças nos hospitais ou precisa também envolver a administração e até ter uma atuação social, via meios de comunicação e até política, colaborando na elaboração de recomendações oficiais? Conseguirá finalmente vencer as barreiras que o separa da saúde pública? Neste programa debatemos estes desafios com médicos, enfermeiros e farmacêuticos que atuam nas CCIHs.


Ficou interessado? Veja nossos cursos MBA em CCIH e CME.