Este estudo teve por objetivo verificar através de uma revisão bibliográfica a eficácia da antissepsia cirúrgica através da preparação alcoólica em comparação a antissepsia tradicional cirúrgica das mãos. Para atingir o objetivo proposto realizou-se uma pesquisa exploratória descritiva, através de uma revisão bibliográfica.

Dos 09 estudos analisados, 08 apresentaram redução antimicrobiana das preparações alcoólicas igual aos demais antissépticos tradicionais, somente 01 estudo evidenciou eficácia superior que as soluções alcoólicas possuem quando comparada a escovação com gluconato de clorexidina.

Os achados deste estudo apontaram ainda vantagens no uso das preparações alcoólicas, dentre elas a redução significativa na contagem microbiana, melhor custo benefício, rápida velocidade de ação, além de ser mais sustentável para o meio ambiente, e como desvantagens o ressecamento sobre a pele, cheiro forte, sensação de queimação/ardência nas mãos.

As evidências permitem concluir que as preparações alcoólicas para antissepsia cirúrgica das mãos são eficazes e seguras, podendo, portanto, substituir as tradicionais.

 

Autoras: Maria Gabriela Martinez e Solange Aparecida de Oliveira

 


Ficou interessado? Veja nossos cursos MBA em CCIH e CME.