Inscreva-se já.

Em primeiro lugar, é preciso deixar claro que não existe hoje uma definição sobre a quantidade mínima de anticorpos neutralizantes para conferir proteção imunológica contra infecções, reinfecções e formas graves da Covid-19. Também não se sabe quanto tempo dura a ação dessas moléculas. Em outras palavras: os testes sorológicos não dão conta de provar se o imunizante recebido por você funcionará.

Apenas uma parte dos anticorpos tem capacidade para agir contra o vírus e impedir a infecção de novas células. Esses anticorpos são chamados de neutralizantes e, portanto, desenvolvem respostas à infecção viral ou à vacinação. Para assegurar a proteção ao vírus, é preciso que sejam desenvolvidos estudos específicos que definam o número necessário de anticorpos, o tempo ativo deles no organismo etc. A ciência, neste momento, não dispõe dessas informações.

https://www.gov.br/anvisa/pt-br/assuntos/noticias-anvisa/2021/covid-e-testes-para-avaliar-a-efetividade-das-vacinas-entenda

Elaborado por Laura Czekster Anthochevis

Contatos: [email protected] ou http://linkedin.com/in/laura-czekster-antochevis-457603104

TAGs:



Ficou interessado? Conheça nossos cursos MBA's e Express