Inscreva-se já.

Casos raros de síndrome de Guillain-Barré (SGB) após a vacinação contra Covid- 19 têm sido relatados em diversos países, inclusive no Brasil. Em um comunicado divulgado nesta quarta-feira (28/7), a Anvisa informa que, até o momento, recebeu 27 notificações de casos suspeitos de SGB após a imunização com a vacina da AstraZeneca, além de três casos com a vacina da Janssen e outros quatro com a CoronaVac, totalizando 34 registros.

A SGB é um distúrbio neurológico autoimune raro, no qual o sistema imunológico danifica as células nervosas. Os episódios pós-vacinação (eventos adversos) também são raros, mas já conhecidos e relacionados a outras vacinas, como a da influenza (gripe).

A maioria das pessoas se recupera totalmente do distúrbio. O principal risco provocado pela  síndrome é quando ocorre o acometimento dos músculos respiratórios. Nesse último caso, a SGB pode levar à morte, caso não sejam adotadas as medidas adequadas

A ocorrência de SGB pós-vacinação contra Covid-19 deverá ser relatada à Anvisa. É imprescindível o cuidado na identificação do tipo de vacina suspeita de  provocar o evento adverso, como número de lote e fabricante.

https://www.gov.br/anvisa/pt-br/assuntos/noticias-anvisa/2021/alerta-sobre-casos-raros-de-sindrome-de-guillain-barre-pos-vacinacao

Elaborado por Laura Czekster Anthochevis

Contatos: [email protected] ou http://linkedin.com/in/laura-czekster-antochevis-457603104

 



Ficou interessado? Conheça nossos cursos MBA's e Express